O papel do engenheiro agrônomo para a agricultura sustentável

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Agropro-O-papel-do-engenheiro-agronomo-para-a-agricultura-sustentavel

Sustentabilidade, essa com certeza tem sido uma das palavras vistas com mais recorrência nos últimos anos por você: Engenheiro agrônomo, médico, dentista, mecânico, cabeleireiro ou qualquer que seja sua profissão. Desde a revolução industrial, apresentar um crescimento econômico acelerado tem se tornado praticamente uma exigência para todos os países que almejam conquistar uma posição de destaque e importância no mundo. Por conta disso, a preservação ambiental em muitos casos tem sido deixada de lado.

A busca das nações por atingir economias cada vez robustas tem afetado a natureza, causado uma série de catástrofes ambientais. Esses problemas ambientais já são sentidos fortemente pelo mundo todo e, segundo projeções científicas, irão piorar cada vez mais com o passar dos anos se medidas efetivas não forem tomadas para controlar esse problema. Para quem quiser saber mais a respeito, o artigo “COP 21: O PAPEL DA AGRICULTURA BRASILEIRA NO COMBATE AO AQUECIMENTO GLOBAL” fala um pouco melhor sobre o assunto.

E o que o Engenheiro Agrônomo tem a ver com isso?

Na agricultura essa situação não é diferente. Com o início da Revolução Verde, iniciada em meados da década de 1960, a regra era simples e direta: produzir o máximo possível e tomar todas as medidas necessárias para isso. A utilização abusiva de pesticidas, desmatamento e constante revolvimento do solo causou inúmeros problemas para a agricultura brasileira. O Engenheiro Agrônomo, por muitas vezes acabou sendo visto como vilão da história, por querer produzir sem se preocupar com o meio ambiente.

Porém, a situação felizmente tem mudado nos últimos anos. Devido aos constantes problemas com a degradação do solo, intoxicação com agrotóxicos e destruição de áreas de vegetação nativa, a agricultura tem se transformado com o objetivo de produzir com sustentabilidade. A formação do Engenheiro Agrônomo, dessa forma, se modificou intensamente nas últimas décadas. Grandes enfoques na preservação ambiental e conservação da água e dos solos têm sido adicionados nas grades curriculares dos cursos de Agronomia por todo o Brasil.  O profissional possui papel fundamental na implantação de técnicas que permitam o desenvolvimento sustentável da agricultura e que tragam aumentos de produtividade e lucro para o produtor.

É possível produzir bem e preservar o meio ambiente?

A técnica do sistema plantio direto, iniciada nos anos de 1970 no Paraná, se tornou uma das principais estratégias para aliar boas produtividades com a conservação do solo. A técnica que se baseia na semeadura das culturas diretamente sobre a superfície do solo é calcada em três principais pilares: a) revolvimento mínimo do solo (restrito apenas à linha de semeadura); b) cobertura permanente do solo através da palhada; e c) rotação de culturas (apresentando qualidade tanto na quantidade de palha depositada, quanto na diversidade dos resíduos culturais. O plantio direto, que se iniciou apenas como uma técnica de semeadura, hoje evolui para um sistema extremamente complexo, que abrange todos os fatores envolvidos na relação solo e planta. Além do plantio direto, muitas técnicas têm surgido para promover uma agricultura mais sustentável como o manejo integrado de pragas para reduzir a utilização de pesticidas, uso controlado de implementos para evitar a compactação do solo, fontes alternativas de adubação para reduzir a adubação mineral, etc.

Assim, a agricultura tem trazido diversos danos ao meio ambiente por sua exploração inadequada. Porém grandes avanços têm sido conquistados nas últimas décadas e a produção agrícola sustentável já é uma realidade em muitas áreas. Porém, muitos desafios ainda devem ser vencidos. O papel do Engenheiro Agrônomo, dessa forma, se torna fundamental para tornar realidade o sonho de se atingir altos índices produtivos aliado a preservação do meio ambiente e a saúde alimentar.

Você atua como engenheiro agrônomo? Compartilhe conosco as suas experiências no campo da agricultura sustentável!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Sobre o Autor

Comentários no Facebook