2 técnicas de plantio sustentável que você precisa conhecer

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Agropro 2 técnicas de plantio sustentável que você precisa conhecer


O plantio sustentável tem se destacado na agricultura como uma das principais estratégias para aliar altos índices de produtividade agrícola com a conservação do meio ambiente e manutenção da saúde do solo. Dentre as diversas técnicas que já comentamos aqui, o plantio direto tem sido a mais utilizada, e por esse motivo, se espalhou por mais de 30 milhões de hectares por todo o Brasil.

Muitas práticas que são utilizadas na agricultura tem um papel fundamental na sustentabilidade agrícola que muitas pessoas desconhecem. A seguir, destacaremos duas técnicas de plantio sustentável que possuem papel fundamental na conservação dos solos, o qual talvez você não saiba. Você pode colocá-las em prática na sua propriedade para melhorar a qualidade do solo e potencializar a sua produção.

Gessagem, melhoria do sistema radicular e aproveitamento de N

O gesso, um subproduto da fabricação do ácido fosfórico, tem sido muito utilizado na agricultura como um corretivo para reduzir a presença de alumínio tóxico na lavoura, além de funcionar como fonte de cálcio e enxofre para as culturas. Apesar de ser conhecido primordialmente como uma prática da fertilidade do solo, muitos trabalhos têm enfatizado seu papel como uma das mais importantes técnicas de plantio sustentável para atividades agropecuárias. Isso se deve muito pelo seu potencial em incrementar o crescimento radicular das culturas (principalmente o milho). Dessa forma, a aplicação do gesso no solo pode aumentar a resistência da lavoura a períodos de estiagem além de melhorar a eficiência no uso de nitrogênio pelo milho.

O papel da técnica na melhoria da estrutura do solo também tem sido destacado por alguns trabalhos. Isso porque da mesma forma que o calcário, a gessagem também pode atuar diretamente na melhoria da agregação do solo e consequentemente no acúmulo e manutenção dos estoques de carbono no solo.

Calagem, um importante aliado no sequestro de carbono

A calagem, da mesma forma que a gessagem, tem sido uma importante técnica da fertilidade do solo que visa reduzir a acidez dos solos agrícolas.

No Brasil, grande parte das terras agricultáveis são consideradas ácidas. Por esse motivo, a aplicação de calcário nas lavouras se tornou fundamental para viabilizar a agricultura em nosso clima tropical. A calagem, ao mesmo passo que eleva a produtividade das culturas através da melhoria da fertilidade, pode funcionar como uma eficiente ferramenta para aumentar a agregação do solo e os estoques de matéria orgânica. Através da atuação do cálcio como agente de ligação da matéria orgânica, a prática, portanto, pode se enquadrar na categoria de técnicas de plantio sustentável na agricultura. É importante lembrar que a conservação do solo provida por ambas as técnicas mencionadas depende de diversos cuidados no manejo do solo para que sejam eficientes.

A importância do aprendizado das técnicas de plantio sustentável

A agricultura de conservação é o futuro da produção de alimentos no mundo. Através dela poderemos incrementar as produtividades sem destruir e comprometer o meio ambiente, deixando dessa forma, um mundo melhor para as futuras gerações.

O conhecimento sobre as principais técnicas de plantio sustentável é essencial para todo profissional das ciências agrárias. Mas por onde começar? A realização de cursos na área de manejo da matéria orgânica e fertilidade do solo pode te dar uma excelente base para conduzir uma agricultura de qualidade.

E você, sabe mais aspectos importantes nas técnicas de plantio sustentável? Compartilhe suas experiências conosco ou deixe a sua dúvida nos comentários.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Sobre o Autor

AgroPro

Comentários no Facebook